Piraí – Polícia Civil e Militar prenderam nesta segunda-feira (22) o segundo envolvido em um homicídio ocorrido em maio no centro da cidade

0
1507
Imagem ilustrativa

Da redação Fábio Pinheiro

Em uma ação conjunta das Policias Civil e Polícia Militar terminou na prisão do segundo envolvido no homicídio de um adolescente na Avenida Izidoro Doin, na região central de Piraí do Sul, ocorrido no dia 18 de maio.

Os investigadores da Delegacia da Polícia Civil de Piraí do Sul, passaram dias em diligências para identificação e prisão dos autores de mais este crime que chocou a população.

Após árduo trabalho investigativo, chegaram à identificação dos suspeitos, mas ambos estariam em local incerto, pois havia indícios de que já tinham conhecimento de que a polícia estava no encalço.

Ocorre que, na noite de 15 de junho de 2020, os soldados Luana e Severo, da Polícia Militar, prenderam um suspeito de roubo, ocorrido na entrada da estrada do cerne. Coincidentemente, quando a equipe da PM chegou na delegacia com o suspeito, os investigadores reconheceram-no como sendo um dos autores do homicídio ocorrido no mês anterior.

Chamado pelo apelido, o réu atendeu os investigadores, sendo indagado do motivo pelo qual havia matado o adolescente, momento em que o conduzido afirmou que “queria confessar” o crime e qual teria sido a sua participação.

Naquela mesma noite, foi solicitada a presença de um advogado para acompanhar o réu confesso, o qual relatou para a autoridade policial os detalhes do crime de que era suspeito, indicando o seu comparsa, confirmando o trabalho da investigação.

Contudo, o segundo suspeito, que a princípio iria se apresentar, não o fez em tempo hábil, o que motivou o pedido de prisão preventiva, tanto para o que se encontrava evadido, quanto para o que já se encontrava preso.

De posse do mandado judicial, os policiais civis iniciaram novos trabalhos, desta vez na tentativa de localizar o paradeiro do segundo suspeito, checando todas as informações anônimas que passaram a receber na delegacia.

O resultado do trabalho se deu neste dia 22, pois os investigadores receberam denúncia anônima que ajudou na prisão. Os policiais Civis Delmis e Josué, auxiliados pela equipe da Polícia Militar, soldados Agnes e Flávio, lograram êxito em localizar e prender o foragido da justiça.

No momento da prisão, o réu estava no banho, mas ao ser indagado seu nome, tentou enganar a equipe fornecendo nome falso, mas é pessoa conhecida no meio policial, sendo dada voz de prisão e conduzido para a delegacia de Piraí do Sul.

Sobre o crime, não quis se pronunciar, devendo ser formalmente interrogado nos próximos dias, já que será mantido preso em unidade do Depen, na cidade de Arapoti.

Com informações www.minutocidade.com.br

Quer ficar por dentro das notícias de Castro e região? É muito facil basta clicar no link em azul, curtir e seguir…

PUBLICIDADE